55º Capítulo (Segunda): Enquanto Diego declara seu amor para Maria em um poema, José pede Miriam em namoro

19-06-2011 22:26

Fotos: Lourival Ribeiro (SBT)

Maria escreve carta a José. Diego se aproxima da guerrilheira e entrega poema a ela. O cubano diz que foi ele mesmo quem escreveu a poesia e declama para Maria. Miriam e José trocam beijos. Sincero, ele diz para Miriam que não quer que ela crie falsas esperanças. José afirma que Miriam merece ser correspondida no amor. Na maternidade, Jandira está radiante com o bebê em seus braços. Ela o chama de Ernesto. Filinto diz a Lobo Guerra que o envolvimento dele com Feliciana é uma falta de respeito. Lobo Guerra justifica que Feliciana é sua fiel seguidora.

Beto, Chico, João e Stela conversam sobre a próxima peça. Eles temem que o novo texto também seja censurado. Henrique revela sua paixão a Heloisa, mas ela o rejeita. Gabriel descobre que Fernanda é do Dops e fica ao lado de Edith. Os dois se beijam. Lara e Alice conversam sobre o desaparecimento dos pais. Filinto flagra José e Miriam aos beijos. Dissimulado, Filinto provoca José, que o ameaça. José conta a Miriam que Filinto é um assassino perigoso, um psicopata. Ele pede para Miriam ficar longe de seu irmão. Batistelli conta a Maria que um dos pontos no Brasil escolhido para a guerrilha é o Araguaia. Maria conta ao padrinho que Diego escreveu um poema de amor para ela. Batistelli lê os versos e diz que o poema é do autor García Lorca. Apaixonada, Miriam diz a José que quer ser mãe dos filhos dele. José pede Miriam em namoro.

 

"Amor e Revolução" vai ao de segunda à sexta após o Programa do Ratinho, no SBT.