47º Capítulo (Quarta): José e Filinto discutem sobre a morte de Olivia; Dr. Ruy dopa Ana; e Telmo aconselha Nina a fugir

07-06-2011 23:50

Fotos: Lourival Ribeiro (SBT)

Lobo Guerra diz a Dr. Ruy que Ana está desequilibrada e pede ao médico para mantê-la sedada. Preocupado com sua reputação, Lobo Guerra justifica que não quer que Ana o acuse dentro de um hospital. Lobo Guerra alerta Filinto que José não pode entrar no quarto em que Ana está internada. Dr. Ruy seda Ana. Maria fala a Jandira e Batistelli que não gostou da brincadeira que Diego fez. O instrutor chega e entrega uma flor a Maria. Luís chora com a mãe em seus braços. Davi e Bartolomeu são ameaçados pelos militares caso não entreguem os nomes dos companheiros. Geraldo Cordeiro é levado para outra base. José acusa Filinto de ter matado Olivia, pois Julia disse a ele que ela estava recuperando os movimentos.

José acusa Dr. Ruy de ser aliado dos militares linha-dura. Fritz diz a Aranha que Duarte está ajudando muito. Telmo aconselha Nina a se esconder, pois ela pode estar sendo procurada pelos militares. Ele promete ajudá-la. Fritz leva Duarte para a cela e diz que gostou dele. O policial diz que vai ajudá-lo caso receba “algo em troca”. Fritz diz que pode proporcionar muito prazer a Duarte. Lobo Guerra aconselha Dr. Ruy a sedar Ana principalmente quando José estiver por perto. Lobo Guerra diz para o médico “cuidar bem” de Ana que Heloisa será poupada.

Lobo Guerra diz a Filinto que Feliciana cuidará de Ana quando receber alta do hospital. José vai à mansão conversar com Feliciana. A governanta diz que Ana anda falando coisas sem sentido, meio desequilibrada. José diz que eles estão tentando matá-la, como fizeram com Olivia. Ele pede para ver as meninas Lara e Alice. Maria diz a Diego que não pode aceitar a flor. A guerrilheira conta que tem um amor no Brasil. Insistente, o instrutor diz que em Cuba ele é o amor dela. Maria fica meio apreensiva.

"Amor e Revolução" vai ao de segunda à sexta após o Programa do Ratinho, no SBT.