139º Capítulo (Sexta): Gravemente ferida, Maria delira e chama por José

13-10-2011 22:41

Lobo Guerra está armado e atira contra o homem. O general pergunta ao homem quem o pagou para assassiná-lo. Ana pede para Marina não publicar nada do que ela disse, pois teme as consequências. O grupo de teatro Vanguarda ensaia a nova peça. Lobo Guerra aponta arma contra a cabeça do homem e diz que paga o dobro se ele confessar quem mandou matá-lo. O homem confessa que foi Feliciana. Lobo Guerra entrega quantia de dinheiro ao homem para matar Feliciana. Em reunião no quartel, Lobo Guerra pergunta a Tavares se José deu cobertura a Maria no Rio de Janeiro. Tavares confirma. Lobo Guerra dá ordem de prisão para os militares pegarem José Guerra. Maria foi gravemente ferida. Ela está perdendo muito sangue. Maria delira e diz que precisa falar com José. Filinto e Borges vão à mansão e entregam ordem de prisão a José. Batistelli e Jandira tentam reanimar Maria, que está desmaiada. Bartolomeu consegue pedir ajuda a médico. Ao saber que José será preso, Ana entra em desepero. Ela discute com Filinto e o chama indiretamente de assassino.